Faculdades particulares retomam aulas práticas em Goiás para alunos dos últimos períodos

29/05/2020 23:36

Pelo menos dez universidades devem reiniciar atividades

29/05/2020 - 22:25

(Foto: PUC Goiás)
 
As atividades da área da saúde ligadas às práticas hospitalares serão retomadas para alunos em pelo menos dez universidades particulares do Estado de Goiás, entre elas a Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO) a partir de segunda-feira (1º). A medida foi anunciada pelo presidente do Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Educação Superior de Goiás (SEMESG), Jorge de Jesus Bernardo e os estudantes em fase de final de curso de medicina, enfermagem, por exemplo, já retomarão.
 
Ele explica que a mudança, por enquanto, será apenas destes estudantes. “Especialmente os que já estão em fase final dos estudos, com previsão de conclusão dos estudos neste semestre ou no próximo, participarão dessas aulas práticas, nos hospitais”, afirmou. Existe estudo pronto para que, em breve, haja retorno de outros estudantes da área da saúde para atuação em laboratórios e clínicas, mas o presidente do sindicato explicou que será em um segundo momento.
 
As aulas, segundo Jorge de Jesus, serão em unidades públicas de saúde, ligadas à Secretaria Estadual de Saúde de Goiás (SES-GO), conforme acordo do sindicato. “A intenção é permitir que esses estudantes, que já possuem vivência hospitalar, concluam seus cursos, participem dessas práticas e ainda colaborem com a saúde.”
 
Jorge Bernardo reforça que toda a parte estrutural está pronta. “Já temos os Equipamentos de Proteção Individual necessários e obrigatórios e vamos atender à todas as exigências, como presença de professores o tempo todo com os alunos, entre outras.”
 
Na manhã desta sexta-feira (30) de manhã, a notícia do possível retorno movimentou as redes sociais e a opinião sobre o retorno estava dividida. Quem ligasse na reitoria da PUC-GO, por exemplo, era informado que as atividades seriam retomadas na segunda-feira (1º) e que representantes dos cursos entrariam em contato com os alunos para passar as orientações.
 
Os alunos que estão inseridos no grupo de risco ou que possuem contato com pessoas destes teriam que pegar um atestado, enviar para a unidade e com isso abonar as faltas. As aulas teóricas continuam através do aplicativo. As aulas dos outros cursos e dos estudantes que não são atendidos neste grupo continuam de maneira remota.
 
A assessoria da PUC-GO informou que a situação é tratada pelo Semesg e não pela instituição de forma direta. Ao POPULAR, o coordenador geral do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da PUC-GO, Gleison Sousa afirmou que ainda aguarda um comunicado oficial por parte da reitoria. “O DCE é contra o retorno das aulas presenciais mesmo não sendo para todos os cursos. Acreditamos que não é momento para qualquer aglomeração de fato. Neste momento a saúde pública em primeiro lugar”, afirmou.
 
Fonte: Jornal O Popular - Cristiane Lima/Gabriel Hamon e Ivânia Cavalcanti

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 
Cerca de 10 faculdades de Goiás devem voltar com atividades de estágio
 
Exibição em 29 Mai 2020
Entrevista Jornal 2ª Edição da TV Anhanguera 
 
Fonte: G1 Goiás
 

 

Rua 217, nº 180 Qd. 44 Lt. 10 Setor Leste Universitário Goiânia – Goiás CEP: 74603-090 (62)3225-1472
Interagi Tecnologia